Camilianos
Notícias da Igreja
 
JMJ 2023: símbolos revelam o rosto jovem da Igreja
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
JMJ 2023: símbolos revelam o rosto jovem da Igreja

Rui Saraiva – Portugal


Desde o dia 2 de julho que peregrinam pela diocese de Lamego os símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Têm sido muitas as iniciativas para que a peregrinação da cruz e do ícone mariano dure 24 horas durante a sua passagem – informa o site oficial da JMJ Lisboa 2023.


À reportagem da Agência Ecclesia, o jovem Tiago Torres falou da colaboração entre as paróquias da Sé e de Almacave, a propósito da peregrinação dos símbolos da JMJ na diocese de Lamego:


“Lamego é uma cidade que não tem uma moldura jovem assim tão grande, mas tem alguma gente que se mexe bem e que trabalha bem. Mas neste caminho para a Jornada fazia sentido que se trabalhasse como um e é isso que está a acontecer. Os jovens das duas paróquias têm trabalhado em conjunto e têm preparado este caminho. Agora com a receção dos símbolos notou-se muito isso. E acredito que este trabalho que está a fazer vai dar fruto na caminhada até ao próximo ano”. (…) “Queremos que os símbolos marquem a presença de facto deste rosto jovem da Igreja para mostrar a todas as terras da nossa diocese”.


Na diocese de Lamego há pessoas idosas que vivem isoladas. O jovem Tiago Torres assinalou a importância da oração destas pessoas afirmando que lhes levam “carinho e proximidade”:


“Eu não creio que essas pessoas precisem de ser evangelizadas. Acho que passarmos por lá vai ser um estímulo para nós. Primeiro para lhes mostrarmos o nosso carinho e proximidade, mas também para lhes pedirmos a sua oração. A oração daquelas pessoas tem um poder muito grande” – afirmou.


Entretanto, o padre Luís Rafael, responsável pela pastoral juvenil da diocese de Lamego, sublinhou à Agência Ecclesia o trabalho pastoral que tem sido feito com os mais jovens.


“As comunidades estão a organizar-se para isso. Os Comités Organizadores Paroquiais (COP) estão a trabalhar. São cerca de 80 na nossa diocese. Para a preparação desta peregrinação envolvemos todos os jovens com as ideias que eles queriam dar, com o plano que queriam fazer. Eles estão mobilizados para ir e para acolher os peregrinos nos “Dias das Dioceses”. E acredito que estão mobilizados, para quando a Jornada em Lisboa acabar, continuarem a levar este Jesus vivo”.


A Cruz da JMJ e o Ícone de Nossa Senhora vão peregrinar na diocese de Lamego até ao dia 31 de julho.


Recordamos que a Cruz da JMJ foi entregue pelo Papa João Paulo II aos jovens em abril de 1984 e marcou o início de uma peregrinação da juventude de todo o mundo; no ano 2000, o mesmo pontífice confiou aos jovens uma cópia do Ícone de Nossa Senhora “Salus Populi Romani”.


A JMJ nasceu por iniciativa do Papa João Paulo II, após o sucesso do encontro promovido em 1985, em Roma, no Ano Internacional da Juventude.


As edições internacionais destas jornadas promovidas pela Igreja Católica são um acontecimento religioso e cultural que reúne centenas de milhares de jovens de todo o mundo, durante cerca de uma semana.


A primeira edição aconteceu em 1986, em Roma, e desde então a JMJ já passou pelas seguintes cidades: Buenos Aires (1987), Santiago de Compostela (1989), Czestochowa (1991), Denver (1993), Manila (1995), Paris (1997), Roma (2000), Toronto (2002), Colónia (2005), Sidney (2008), Madrid (2011), Rio de Janeiro (2013), Cracóvia (2016) e Panamá (2019). Agora será em Lisboa.


A Rádio Vaticano e o Vatican News continuam a acompanhar a preparação da Jornada Mundial da Juventude que decorrerá em Lisboa em agosto de 2023.


Laudetur Iesus Christus


Fonte: Vatican News

Indique a um amigo
 
Contato

Camilianos - Província Camiliana Brasileira

Av. Pompéia, 888 - São Paulo/SP
(11) 3863-2110

Política de Privacidade

 

“Não façam oração que corta as asas da caridade”

São Camilo

Copyright © 2022 Camilianos. Todos os direitos reservados.

Camilianos